Sou Tua

Sou Tua,
corpo e coração
longe do que é razão
perdida no que fui
me encontro no que sou.

Sou Tua,
fonte de inspiração
incitação dos teus atos
libelo da tua culpa limite do teu espaço.

Sou Tua,
invés delir do tempo que chama
no encontro da alma que clama
o querer e a paixão.

Sou Tua
aprendiz e anciã
pronta pra oferecer
o beijo no desejo da loucura introverter.

Sou Tua,
melodia e canção
piano afinado,
fazendo bailar notas
de um duo desencordoado.

Sou Tua,
dulçor a sustentar
teus versos cantados
no palco de cenários que foram inveterados.

Sou Tua,
confidente e confissão
penitência dos seus erros
perdão dos teus pecados

Sou Tua,
Libélula e Perdiz
natureza que se agita
nascente de águas claras, confluência

Sou Tua,
menina e Mulher
réplicas de nostalgias
sonhos em fantasias
que satisfaz teus desejos
num beijo conclamo...

Sou Tua.

Autora Elizabeth Misciasci©
Direitos @utorais Reservados

::: Clique para Enviar essa Página

::: Menu :::

 

ArtFinal:CrisJuan