Namorados...

Esperam-te meus braços
Querem acolher-te atenuante
Estou aqui... Esperando...
Envolva-me aconchegante
Trilharei contigo todos os passos
Minha alma atrevida
cobre-te de beijos, dengos e ternura
São imaginários, mas de alma pura
Não olvides!
És bálsamo das lembranças
latentes em meu coração...
O "queimar" dos nossos lábios
O sabor que já senti e
ainda degusto em pensamentos
Não posso fugir do meu querer
Vejo minha vida estacionada
entregue às valetas...
O oásis urbano me consome...
Meu "EU" pede uma chance
à vida e ao conforto da alma
Talvez quisesse eu olhar diferente
Ver algo...
com a cor inexistente
que me dissesse a cor do amor
ou do arco-íris
e que nele encontrasse sentido,
ou quem sabe, a flor
desidratada e já sem vida
me revelasse o que já foi...
Mas, penso em ti...
A alegria toma conta do meu ser
...aflora minha vontade de viver
E sinto que a felicidade reside
nos momentos mais simples...
Logo, meu coração tonteia
Caminho borboleteando
por linhas tortas
"ziguezagueando" qual verme...
Vento errante!
Por que açoitas minha derme?
Sorrateiro e invisível avanças...
Contraditório é o teu rajar
Devasso convulsas
o sangue nas veias
Destróis e enroscas-te
com violência nas teias...
E neste movimento
surpreendes-me...
Deleitas-te no meu leito
ajeitas-te ao meu peito
que também é teu berço
...sem guerra
Onde o amor impera
E, não mais tonteias
Formamos um nó...
Somos um só
Elo Forte
NAMORADOS!

Ilka Bosse
Bailarina das Letras
Blumenau - SC - Brasil - Junho/2009

Direitos Autorais Registrados

Clique para Enviar essa Página 

::: Menu :::

 


ArtFinal:CrisJuan