Desejos Incontidos

Recolho-me no silêncio
desta minha solidão..
Assusto-me com tanto querer
com tamanho desejo de amar e ser amada
que dentro desta minh'alma está
latente, pulsante,
querendo da vida,
o encontro
a entrega
a aceitação
o ato consumado
entre lençois em desalinho
úmidos do suór
absorvidos de corpos
que ávidos, se amaram
sem pudor
apenas com Amor!..

Ahh estes desejos incontidos
fazendo deste meu corpo
escravo cativo
dos sonhos que minh'alma sonha
no estremecer de um gozo pleno
tornando uno,
no embalo frenético de um amor amante,
teu corpo e o meu!..

O silêncio se quebra
com meu respirar ofegante por imaginar...
Banha-se nas lágrimas que meus olhos choram
nesta solidão, entre sonhos e desejos
incontidos dentro deste sonhar
querendo apenas
realizar!..

Thais S Francisco
"beija-flor"

::: :::

Clique para Enviar essa Página 

::: Voltar :::

::: :::


ArtFinal:CrisJuan