Botão de rosa que se abre,
suavemente, pétala por pétala,
maciez de cetim, bordas rendilhadas
deixando espargir
doce fragrância no ar..

Perfume de rosa cor de rosa,
menina moça, moça mulher,
tal qual o botão da rosa
abrindo-se ,delicadamente,
e da inocente menina moça
deixa brotar a essência da moça mulher
que já sabe o que quer!..

Essência de vida, que brota com energia
da pele que sente, o amor chegar
querendo transbordar, romper barreiras
inundar vales, encontrar o caminho dos rios
e correr frenéticamente para desaguar, no mar..

Mar de amores, desejos, sonhos, loucura..
Mar que recebe o rio, em ondas espumantes
no vai e vem das marés, no encontro do querer
somar, compartilhar, dividir, multiplicar
subtrair da essência, a semente viva..

Semente plantada,
no fremir dos amores,
acolhida, no calor de outra vida
que aconchega, estimula, gera,
espera ansiosa, corpo em tranformação,
sonhos no embalo da canção divina
que entoa em melodia,
a criação de nova vida..

Vida que chega
querendo a Luz, querendo o Ar,
buscando acalmar, entre choro, sem lágrimas,
um pequenino coração, que se assusta com a chegada,
num mundo tão diferente, onde os ruídos não são abafados.
são nítidos, agressivos ao seu primeiro ouvir,
seu primeiro sentir, do lado de fora da bolsa,
o coração que bate, já cantando a canção de ninar,
mimando ,no aconchego do peito farto,
essa maravilhosa transformação:

- da microscópica semente, um pequenino botão,
que, tal qual a rosa de bordas rendilhadas,
pétala por pétala foi se abrindo
em maravilhosa transformação chamada: SER!..

S E R ,
QUE TRAZ DO AMOR
A V I D A !..

Thais S Francisco
"beija-flor"
Direitos @utorais reservados à Autora

 

Clique para Enviar essa Página 

 

 

ArtFinal:CrisJuan