Momentos há em nosso amar,
que o ciúme maltrata e fere a alma,
quando chega sem avisar, sequer pergunta o que é,
e, desacomoda o coração, que perde o jeito,
e tropeça em seu compasso!..

Foi sem querer,
um, porque sente a ausência,
outro, porque envolvido em seu trabalho
perde, das voltas dos ponteiros,
o avançado da hora.. esquece-se!..

Um instante de silêncio,
é sempre melhor que estar a tentar
explicar o motivo e a razão.
O bom senso chegará e fará
um e outro entender da importância
do momento de cada um!..

Sem devaneios, e, na certeza
do sentimento maior, entende-se
que somos a estrela um para o outro
a brilhar com tal intensidade
que este Amor, tudo perdoa,
tudo busca entender,
e acarinha o coração descompassado,
com ternura, fazendo-o encontrar
na sintonia deste Amor,
a compreensão, e, rimar o seu pulsar
vivendo cada batida, sendo
uma minha outra sua!..

Somos estrelas brilhantes
neste céu de Amor,
vez ou outra como estrela cadente,
riscando o céu com sua luz,
buscando o aconchego da estrela par,
que está sempre a esperar!..

Ciúme, eu te peço, não permitas
que eu maltrate o coração
de quem amo...

Não permitas quem me ama
maltratar meu coração,
nestes Arrufos de Amor!..


Thais S Francisco
"beijaflor"
Direitos @utorais Reservados

Clique para Enviar essa Página 

 

::: Menu ::: Voltar :::

 

Imagem:Alan Ayers
ArtFinal:CrisJuan