Apenas Fui...

A noite, já adentra a madrugada,
tudo é silêncio, solitude, ausência..
Dedilho meu teclado, a espera de que
estejas do outro lado desta minha tela,
e ficaria feliz, se percebesse que pensas em mim
assim como penso em ti..

Esperei-te pronta, banhada e perfumada
para sairmos de mãos dadas ou
quem sabe, abraçados , acertando do passo,
o compasso , de corpos colados, passo a passo
na cadência do nosso caminhar
pelas calçadas, até mesmo na fila da bilheteria,
do cinema, ou do teatro, onde aquela peça
que tanto queríamos assistir,
já está em cartaz!..

Do entardecer, a noite escura se fez,
as horas arrastando-se na agonia da espera,
fez longo demais esse meu te esperar,
pois da madrugada, só resta agora ficar, e,
da roupa alva me despir, do colar, pulseira e brincos
retirá-los de mim, e novamente, no porta jóias acomodar!..
Da lingerie que preparei para te provocar os sentidos,
resta agora, guardá-la, e, corpo desnudo,
nos lençóis frios e vazios, buscar o aconchego, até o sono chegar,
e me carregar em sonhos que eu não quero apenas sonhar,
mas, eu os quero vivenciar!..
Como?
Contigo..
Quando?
Te espero chegar..
Virás?
Já não sei mais..
A espera me fere a alma,
e disso, não sabes..
pois, nem sequer um click
do outro lado desta tela,
que, como eu, apenas espera..

Boa Noite, não.... já se fez novamente o dia!..
Bom Dia !!!

Assino em branco,
este meu dedilhar
pois já nem sei mais quem sou,
o cansaço desta espera, dêste silencioso não,
me causou amnésia total!..
Fuga magistral
de uma dorida solidão!..

fui!..


Thais S Francisco
"beijaflor"
Direitos @utorais Reservados


 

Clique para Enviar essa Página

 

::: Menu ::: Voltar :::

 

Imagem Colhida na Internet
Formatação de Thais "beijaflor"