A Florzinha Magali
 

Era uma vez uma linda florzinha que se chamava Magali.
Ela era toda delicada e amarelinha e ficava muito feliz
quando alguém cheirava o seu perfume.

Todas as manhãs logo que o sol nascia ela acordava,
espreguiçava suas pétalas e exalava um delicioso perfume.
Todos que passavam perto da Magali e sentiam seu cheiro
ficavam felizes e percebiam como a natureza é um presente
maravilhoso de Deus.


Até mesmo os beija-flores e as abelhinhas ficavam encantados
com a beleza de Magali e vinham visitá-la para se alimentarem
com o seu pólen e a cobriam de beijos em agradecimento pelo alimento.

Um belo dia Magali, que era muito bondosa, observou que perto da árvore
onde morava havia uma família de esquilos com lindos filhotinhos famintos
que precisavam de comida para crescerem fortes.
Magali escutou a mamãe esquilo dizendo que estava difícil encontrar frutas
para alimentar os filhotes porque haviam poucas árvores frutíferas plantadas
naquela região.

Infelizmente os homens arrancavam as árvores para utilizar a madeira
e deixavam muitos animais desprotegidos, sem casa e sem alimento.



Então Magali lembrou que Jesus nos ensinou a ajudar quem precisa
e teve uma idéia: reuniu todas as flores que moravam naquela mesma árvore
e decidiram que estava na hora de se transformarem em frutos deliciosos.


Na manhã seguinte todas as flores haviam se tornado frutinhas verdes
que cresceram e ficaram bem maduras para servirem de alimento para aqueles
esquilinhos que poderiam crescer saudáveis.


Em agradecimento a Deus pelo alimento, os esquilinhos guardaram
as sementes das frutas que comeram e plantaram para que crescessem
mais árvores de flores cheirosas e frutos deliciosos, para que
nenhum animal da floresta sentisse fome novamente.

História de: Carina Comerlato


 

 

Clique para Enviar essa Página 

V o l t a r
 

 

Imagens Colhidas na Internet sem mencionar restrição
História Recebida da Tia Crislaine do Castelinho dos Sonhos
Formatado por Thais "beija-flor"
29.04.2010